pixel facebook

Tendências

Você é daqueles que adora ou detesta receber áudios no WhatsApp? A pergunta vem com base em comportamentos dos brasileiros ao utilizar essa rede social, que faz parte de nosso dia a dia. Em um levantamento feito pela Exame em parceria com a plataforma de serviços digitais MindMiners, 100% dos entrevistados dizem acessar o WhatsApp diariamente. Para se ter uma ideia, as porcentagens para outras redes sociais são menores: Youtube 88%, Facebook 86%, Instagram 83%. E essas seguidas pelas menos mencionadas: Twitter 37%, TikTok 28% e Linkedin 27%.No WhatsApp, muitas vezes, enviamos áudios quando não podemos digitar, para explicar assuntos mais complexos ou por simples preferência. Lançado em 2009, o aplicativo teve sua função áudio habilitada apenas em 2013. Mas essa função divide opiniões. Existem aqueles que adoram essa reprodução da comunicação oral e os que detestam ter que parar para ouvir a fala de alguém ao invés de simplesmente ler mensagens. Afinal, qual a etiqueta para WhatsApp entre os brasileiros? Vamos a alguns números que nos darão uma ideia sobre isso. Áudios do WhatsApp caíram no gosto da maioria dos brasileiros De acordo com a mesma pesquisa, de fato, áudios do WhatsApp caíram no gosto da maioria dos brasileiros. 56% dos...

As incertezas geradas pela pandemia de Covid-19 exigem estratégias. Por isso, devemos nos perguntar sobre o que vem depois. Neste texto, apresentamos 3 horizontes possíveis para que empresas e marcas possam delinear suas ações. Eles são resultado de pesquisas e projeções da Nielsen. Suas hipóteses partiram de dados sobre o comportamento do consumidor europeu e foram aplicadas nos mercados da China e Coreia do Sul. Isso porque esses países estão mais avançados no cronograma da pandemia, saíram há algum tempo do isolamento e já vivem o chamado “novo normal”. O novo comportamento do consumidor é a chave para projetar horizontes Justamente com o intuito de projetar horizontes, muitos analistas acabam estabelecendo comparações do momento atual com as consequências da crise financeira de 2008. Porém, as duas situações são muito diferentes. Em 2008, não havia milhares de pessoas morrendo diariamente, milhões trancadas em casa indefinidamente e negócios não eram obrigados a fechar suas portas.Por isso, a pesquisa ressalta que o novo comportamento do consumidor é a chave para projetar o que acontecerá com os mercados depois da pandemia de Covid-19. Agora, o mundo está sendo recalibrado e os hábitos de consumo estão acompanhando esse ritmo acelerado de mudanças. Transformações que, em condições normais,...

A pandemia de Covid-19 exige novas estratégias. Vivemos um clima de instabilidade, o que tem gerado mudanças drásticas em hábitos pertencentes a diferentes partes de nossas vidas. Dessas, as duas mais afetadas certamente são saúde e trabalho. Estratégias de marketing resiliente à Covid-19 Além dos riscos trazidos pela disseminação do vírus, a incerteza e a necessidade de isolamento social frearam a economia ao redor do mundo. Isso tornou esta fase muito delicada para as finanças da maioria das pessoas. Consequentemente, o comportamento do consumidor não é mais o mesmo que o de há seis meses atrás. Isso obriga empresas e marcas a reverem suas estratégias de marketing para a pandemia de Covid-19.Esta é a hora de planejar e tomar algumas ações. Ainda é tudo muito novo e incerto, por isso, fazer previsões definitivas agora seria equivocado. Mas, com base no que temos vivido, podemos delinear as bases de novas estratégias para empresas ou marcas que as tornem capazes de se adequar a um novo cenário e a um novo comportamento do consumidor, que ainda deve perdurar. Afinal, uma estratégia de marketing também pode ser resiliente e se adaptar às adversidades, com o intuito de tirar os melhores resultados possíveis da situação. Entender as...

Ficar em casa por conta da Covid-19 transformou o comportamento do consumidor. Este momento de quarentena não é algo definido, assim como o que virá depois. Dessa forma, vivemos uma fase de grandes incertezas, já que não sabemos o que acontecerá amanhã. Nestas condições, a capacidade de adaptação torna-se nosso maior trunfo. E esse lema serve também para o marketing das empresas e marcas. O consumidor e sua nova fase Vamos partir de uma visão mais ampla sobre o que, em geral, acontece com o comportamento das pessoas em isolamento social. Com a diminuição das atividades fora de casa, o tempo que era escasso se tornou mais fluido. Passamos mais tempo sozinhos, com nossa família ou dentro de nossas cabeças. Isso dá margem para sentimentos como o tédio, a ansiedade e a incerteza inerente ao momento. Por isso, sentimos necessidade de buscar mais formas de nos mantermos ocupados.Pelos dados de pesquisas Google durante a pandemia, podemos dizer que temos tentado nos adaptar à situação por meio de informações sobre:- A Covid-19 e suas implicações à saúde e ao dia a dia.- Mudanças no trabalho e na economia.- Bem-estar e conexões com a comunidade.- Segurança financeira e renda extra.- Aprendizado e cursos online.-...

Gamificação, ou gamification, é um termo que vem se tornando bastante usual em vários setores do mercado. Desde aplicativos até no RH das empresas. Mas, afinal, o que é gamificação? Conceito de Gamificação O termo gamification surgiu em 2002, popularizado pelo programador Nick Pelling, significa a utilização de técnicas de jogos para promover o engajamento do público com produtos ou serviços. Ou, como falamos acima, para o RH de uma empresa, a gamificação pode ser utilizada para aumentar o engajamento com treinamentos corporativos. Alguns estudos indicam que o termo já vem desde os anos 1970. Mas o mais importante é entender o que ele quer dizer, do que sua história.Outro conceito de gamification é: utilizar-se de dinâmicas e mecânicas típicas de jogos para gerar engajamento de pessoas, resolver problemas e melhorar o aprendizado, motivando assim ações e comportamentos em ambientes fora do contexto de jogos. Portanto, a gamificação é a fundada na competição entre os participantes.Ou seja, a gamificação permite transformar o relacionamento em algo lúdico, didático e competitivo. Desta forma, o público se envolve com muito mais interesse. Gamification na Prática Há vários níveis de gamificação possíveis. Desde um ambiente totalmente voltado à competição, ou um simples ranking. Vamos a um exemplo prático,...

Talvez um dos maiores desafios de um departamento de marketing seja acompanhar a velocidade das mudanças, além de adaptar-se às novas tecnologias. De fato, novidades e tendências surgem praticamente todos os dias e é aí que pode estar o gatilho para você fazer algo diferente. O que esperar do cenário digital para este novo ano? Confira abaixo seis tendências de Marketing Digital para 2019.  Algumas não são novidade, todavia ganham cada vez mais importância na estratégia digital das empresas, pelas mudanças constantes no comportamento do consumidor. #1- Chatbots Os chatbots (robôs que conversam via chat) surgem como o futuro da interação entre consumidor e empresa. Eles viraram tendência por conta das mudanças na maneira como as pessoas se comunicam na Internet. Uma solução simples, prática e inovadora para orientar e tirar dúvidas de usuários. Isso acontece por meio de inteligência artificial e respostas configuradas. #2- Marketing de Influência Não é de agora que se fala em influenciadores. O que mudou é que os influenciadores são youtubers, blogueiros, pessoas comuns, bem vistas e respeitadas nas redes sociais. Essas personalidades digitais têm mudado a forma como as empresas se comunicam com o seu público e se tornaram fundamentais dentro das estratégias de marketing das empresas que...

Sempre falamos aqui no blog sobre a importância de manter-se atualizado sobre as últimas tendências e novidades do universo digital. Esta semana, dia 20 de março, o Instagram lançou o recurso "lojas", facilitando a vida dos usuários que desejam comprar diretamente pelo aplicativo. Igualmente, além do Brasil, a ferramenta já está disponível para outros sete países: Reino Unido, França, Itália, Alemanha, Austrália, Canadá e Espanha. Como usar o Instagram Shopping O Instagram Shopping pode ser uma ótima oportunidade para potencializar o seu negócio. Igualmente, para aumentar as vendas e estreitar o relacionamento com seus clientes de forma orgânica. Portanto, você só precisa saber usá-lo como mais uma ferramenta de marketing. Segundo o próprio Instagram, 80% das contas seguem pelo menos uma empresa na rede social.Mais fácil para comprar e para administrar Esse recurso torna o processo de compra mais fácil e rápido para o usuário. Bastam alguns cliques para que o usuário tenha uma boa experiência de compra com a sua marca. Portanto, as chamadas, o call to action, a escolha das fotos, os filtros e marcações são alguns detalhes fundamentais para atrair seu público.O que também facilita - e muito - a vida de quem cuida do Instagram da empresa. Pois, com...

A automação de marketing é um termo relativamente novo no dicionário dos profissionais de marketing. Mas é preciso entender exatamente como essa ferramenta funciona e como isso pode ajudar o seu negócio. O que é automação de marketing? Automação de marketing é uma série de ações, geralmente concentradas em uma ferramenta própria, que busca criar fluxos de respostas para processos repetitivos. Ou seja, automatizar e otimizar processos para obter ganho de escala. Como implementar a automação de marketing? O primeiro passo é identificar os pontos de contato do seu consumidor com seus canais digitais. O exemplo mais claro é o formulário de contato de seu site. Imagine um cenário onde seu site recebe diariamente 100 contatos através desse formulário. Alguns são para pedir algumas informações básicas, outros para envio de currículo e outros tantos com interesse de compra.Mas mesmo esses de interesse de compra ainda precisam de uma qualificação. Nem todos os potenciais clientes podem, efetivamente, se tornar clientes.Qualquer vendedor B2B, ou de compras complexas, sabe bem: atender contatos não qualificados gera custos e consome tempo. Automação de Marketing na prática Agora vamos analisar os cenários possíveis para atender esses 100 contatos diários sem automação de marketing.Opção A: direcionar tudo para a secretária ou recepcionista responder...

A cada ano novos estudos são feitos para descobrir tendências de Marketing Digital e Social Media, sendo possível prever oportunidades e realizar um planejamento estratégico para você se destacar e surpreender o consumidor. O Brasil está entre os três países no mundo com mais acessos aos grandes players, como Google, Facebook, WhatsApp e YouTube. Listamos abaixo algumas das principais tendências no Brasil.#1 - Inbound Marketing Nada mais é do que um conjunto de estratégicas com o objetivo de aproximar voluntariamente os consumidores das marcas através de conteúdos relevantes e no relacionamento com o cliente. Esse conteúdo pode influenciar na decisão de compra, gerar mais vendas, aumentar a visibilidade do negócio e tornar a marca referência em um determinado assunto. Aproximadamente 93% dos processos de compra começam através da busca online. Além disso, inbound marketing custa menos que o marketing tradicional, pois baseia-se no relacionamento com o consumidor em vez de propagandas. Invista em publicações relevantes e conquiste defensores da marca. Aqui falamos mais sobre as ferramentas do marketing de conteúdo.#2 - Facebook e Snapchat: diversificação como chave para o sucesso do negócio O Facebook tem 1,7 bilhão de usuários ativos mensais. E certamente está buscando alternativas para ajudar as empresas a aumentar...